Fernando Manuel Oliveira Pinto | poema #01

A COR DOS BÚZIOS

— Mãe, 
de que cor são os búzios
pequeninos,
aqueles que guardam os segredos
dos meninos como eu?...

— Mãe, 
de que cor são os búzios
enormes,
aqueles que revelam os segredos
das pessoas grandes
como tu?...

— Amor meu...
Uns são da cor do mar
e outros da cor da terra
quando acorda a chorar.
Agora dorme...
Anoiteceu.

Poema de Fernando M. Oliveira Pinto

Sem comentários:

Enviar um comentário